Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Hoje é o Dia de todas as Crianças, mas as crianças negras em especial recebem um presente muito significativo! A educadora Odara Dèlé lança na data de hoje o livro infanto-juvenil “Lukenya e seu poder poderoso” para fortalecer a identidade negra já desde pequeno.

Com referências da cultura africana e representatividade de personagens, o intuito da obra é reforçar a memória, as características e a história da população negra, estimulando a formação e a identidade das crianças negras. O livro, ainda, é bilingue, escrito em português e kimbundu, língua de origem africana e um dos idiomas nacionais de Angola. 

“Numa sociedade racista, não basta não ser racista. É necessário ser antirracista.” Angela Davis

Além de estimular a identidade negra, é muito importante estabelecer um modelo de ensino que combata o racismo dentro e fora das escolas. Para debater maneiras de combater a violência estrutural do racismo no Brasil através principalmente da Educação, o vereador Celso Giannazi e o deputado estadual Carlos Giannazi promoveram o seminário “Educação Antirracista” na Câmara Municipal de São Paulo.

A mesa do seminário foi composta pela escritora Luciana Reis, pela gestora de políticas Públicas Valéria Silvestre e pela educadora Sueli Alves. O evento contou com uma belíssima apresentação da cantora Izzy Gordon de músicas preferidas de compositores negros, e o Conselho Mirim anunciou o Festival Literário Infantil Folhas do Baobá, que acontecerá na semana da Consciência Negra, em novembro.

Conheça mais sobre a atuação do vereador Giannazi em defesa da Educação